07
out
Como já dizia um grande pensador “tudo que é vivo, um dia morre”, e foi isso que aconteceu esta semana com o “herói” de uma geração, o cara que pode ser considerado um marco na história da cultura moderna, um cara que certamente estará em um livro de história que o seu bisneto um dia vai ler… Esse cara, Steve Jobs.

Você pode até pensar “affs, esse cara era só mais um milionário no mundo” mas se não fosse ele, talvez eu não estaria postando isso aqui hoje, porque eu não teria um computador nem acesso tão fácil a internet. Ele foi fundamental na popularização da tecnologia, e se você gosta de ouvir musica no seu celular, gosta de navegar na internet de dentro do seu quarto, ou no ônibus, ou até mesmo se você gostou do filme “Procurando Nemo” (filme da Pixar, empresa criada por ele) você deveria agradecê-lo… Enfim, muito obrigado Jobs por contribuir para eu ter acesso ao um PC e pelo “Procurando Nemo” também!

Ele nunca fez faculdade, mas mesmo assim tinha sabedoria e inteligência de poucos…

“Ninguém quer morrer. Mesmo as pessoas que querem chegar ao Paraíso não querem morrer pra estar lá. Mas, apesar disso, a morte é um destino de todos nós. Ninguém nunca escapou. E deve ser assim, porque a morte é provavelmente a maior invenção da vida. É o agente de transformação da vida. Ela elimina os antigos e abre caminho para os novos”. (Steve Jobs, 2005)

Uma conversa entre Deus e Steve:
Ele não morreu, só foi tentar vender uns iphones pra São Pedro!


Uma pequena homenagem do Calango a um ídolo! Boa sorte onde você estiver o/

Categorias: HumorImagemTextoTirinhas

Deixe seu comentário:

Acompanhantes Brasília DF
Acompanhantes de Brasília DF
Porno